Discipulado Mensal para DCAs

Tema: Carisma, Espiritualidade e Missão da Vocação DJC

Formador: Pe. Marcos Oliveira




08:00h - Chegada
Acolhimento e presença

09:00h - Invitatório e louvor

09:30h - Súplica ao Espírito Santo

10:00h - Lanche


10:30h - Adoração a Jesus - Palavra

Ministro de oração: Pe. Marcos 

Vocaçao: chamado de Deus para viver um estilo proprio de vida no seio da Igreja

Vocaçao DJC

Deus nos chama SER DJC

E SER DJC é bom demais

A vocaçao DJC, como toda vocaçao, comporta tres coisas fundamentais: carisma, espiritualidade e missão

Carisma: o que somos
Somos discípulos de Jesus

Espiritualidade: o que nos garante ser o que somos e devemos ser
A comunhao com Deus, o pemanecer ligados a Cristo como os ramos à videira.

Missão: o que fazemos
Fazer discipulos

Contemplemos esses tres elementos da nossa vocalao DJC em Jo 15


São João, Capítulo: 15

1. Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o agricultor. Todo ramo que não der fruto em mim, ele o cortará;

2. e podará todo o que der fruto, para que produza mais fruto.

3. Vós já estais puros pela palavra que vos tenho anunciado.

4. Permanecei em mim e eu permanecerei em vós. O ramo não pode dar fruto por si mesmo, se não permanecer na videira. Assim também vós: não podeis tampouco dar fruto, se não permanecerdes em mim.

5. Eu sou a videira; vós, os ramos. Quem permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.

6. Se alguém não permanecer em mim será lançado fora, como o ramo. Ele secará e hão de ajuntá-lo e lançá-lo ao fogo, e queimar-se-á.

7. Se permanecerdes em mim, e as minhas palavras permanecerem em vós, pedireis tudo o que quiserdes e vos será feito.

8. Nisto é glorificado meu Pai, para que deis muito fruto e vos torneis meus discípulos.

9. Como o Pai me ama, assim também eu vos amo. Perseverai no meu amor.

10. Se guardardes os meus mandamentos, sereis constantes no meu amor, como também eu guardei os mandamentos de meu Pai e persisto no seu amor.

11. Disse-vos essas coisas para que a minha alegria esteja em vós, e a vossa alegria seja completa.

12. Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros, como eu vos amo.

13. Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida por seus amigos.

14. Vós sois meus amigos, se fazeis o que vos mando.

15. Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz seu senhor. Mas chamei-vos amigos, pois vos dei a conhecer tudo quanto ouvi de meu Pai.

16. Não fostes vós que me escolhestes, mas eu vos escolhi e vos constituí para que vades e produzais fruto, e o vosso fruto permaneça. Eu assim vos constituí, a fim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vos conceda.

17. O que vos mando é que vos ameis uns aos outros.

18. Se o mundo vos odeia, sabei que me odiou a mim antes que a vós.

19. Se fôsseis do mundo, o mundo vos amaria como sendo seus. Como, porém, não sois do mundo, mas do mundo vos escolhi, por isso o mundo vos odeia.

20. Lembrai-vos da palavra que vos disse: O servo não é maior do que o seu senhor. Se me perseguiram, também vos hão de perseguir. Se guardaram a minha palavra, hão de guardar também a vossa.

21. Mas vos farão tudo isso por causa do meu nome, porque não conhecem aquele que me enviou.

22. Se eu não viesse e não lhes tivesse falado, não teriam pecado; mas agora não há desculpa para o seu pecado.

23. Aquele que me odeia, odeia também a meu Pai.

24. Se eu não tivesse feito entre eles obras, como nenhum outro fez, não teriam pecado; mas agora as viram e odiaram a mim e a meu Pai.

25. Mas foi para que se cumpra a palavra que está escrita na sua lei: Odiaram-me sem motivo (Sl 34,19; 68,5).

26. Quando vier o Paráclito, que vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da Verdade, que procede do Pai, ele dará testemunho de mim.

27. Também vós dareis testemunho, porque estais comigo desde o princípio

Palavra de Deus: Jo15


11:00h - Formação Cristã

Carisma, Espiritualidade e Missão do DJC

Carisma: O que somos

Espiritualidade: O que garante sermos

Missão: O que fazemos


xxx


O que é o carisma?

O carisma específico de cada Instituto é um dom de Deus para o benefício Igreja e da humanidade.

Por: Germán Sánchez Griese | Fuente: Catholic.net 


O que é o carisma?

Existem casos de homens e mulheres que possuem um carisma especial para predicar, para aconselhar as pessoas, para conhecer e transmitir a Deus e que nem sempre foram fundadores de uma congregação religiosa.


Breve introdução

No princípio do Terceiro Milênio parece bastante normal tratar de carismas. E sendo nosso objetivo o de despertar o carisma é importante saber exatamente o que significa este termo ou o que deseja significar. É necessário ter algumas noções claras sobre este conceito se vamos centrar nele a vida e a identidade consagrada.

Por carisma desde muito conhece pela definição paulina de “graças especiais (conhecidas “carismas”) medias as quais os fiéis ficam “preparados e dispostos para assumir vários compromissos ou ministérios que contribuem para renovar e construir ainda mais a Igreja” (LG 12:cf.AA 3). Espetaculares ou simples e humildes, os carisma são graças do Espírito Santo, que têm direta ou indiretamente uma utilidade eclesial; os carismas estão ordenados à edificação da Igreja, ao bem estar dos homens e às necessidades do mundo”.

Um carisma é por tanto uma graça especial que o Espírito Santo deixa para o bem da Igreja. Não existe uma classificação de carismas e sendo assim existem muitos tipos. Mais os principais elementos que os compõem serão sempre dois: provêem do Espírito Santo e estão para a edificação da Igreja. Desta definição partem três grandes aplicações que convêm conhecer para evitar confusões no momento de estudar os carismas dentro da vida consagrada: o conceito de carisma como tal, a concepção da vida consagrada como uma carisma para a Igreja e o carisma específico de cada Instituo ou congregação religiosa. Um carisma não está necessariamente conectado à fundação de uma congregação religiosa. Existem casos de homens e mulheres que possuem um carisma especial para predicar, aconselhar as pessoas, para conhecer e transmitir a Deus, mais que nem sempre foram fundadores de uma congregação religiosa. Por outro lado a própria vida consagrada já é um dom do Espírito para o bem da Igreja: “A vida consagrada, enraizada profundamente nos exemplos e ensinamentos de Nosso Senhor Jesus Cristo, é um dom de Deus Pai para sua Igreja por meio do Espírito”. E por último, é importante considerar o carisma específico de cada congregação ou instituto de vida consagrada, buscando centrar nossa atenção no presente estudo nesta última acepção do termo.

Daremos início fazendo uma breve revisão do que o Magistério escreve sobre o carisma de cada Instituto ou congregação religiosa, para passar mais adiante a uma análise do mencionado por alguns autores da atualidade. Ao final, em base a esta dupla pesquisa, nos arriscaremos a propor o que é o carisma e quais são seus elementos constitutivos.



Revisão do Magistério

Ainda que o termo carisma não aparece nos documentos do Concílio Vaticano II, tudo indicava sua posterior aparição, dado que no debate que precedeu à redação da Constituição dogmática Lumen Gentium e do Decreto Perfectae Caritatis, já é possível observar o manejo do caráter carismático da vida consagrada.

Marca que abrirá as possibilidades para uma futura pesquisa e que deu como resultado uma ampla literatura, fruto do avanço da Teologia da vida consagrada, onde se trabalhou bastante o termo carisma sob diversas acepções.

O termo carisma veio sendo utilizado pela primeira vez em um documento do magistério no número 11 da exortação apostólica Evangelica Testificatio: “Só assim podereis despertar de novo os corações para a Verdade e para o Amor divino, segundo o carisma dos vossos Fundadores, suscitados por Deus na sua Igreja.” A partir deste documento o magistério assume a terminologia paulina de carisma com diversas acepções: carisma da vida religiosa, carisma do fundador, carisma de fundador, carisma fundacional, carisma do Instituto, carisma originário, carisma institucional, carisma de uma família religiosa.

Será o documento Mutuae Relationes quem definirá pela primeira vez o carisma: “O próprio carisma dos Fundadores (Evang. nunt. 11) revela-se como uma experiência do Espírito, transmitida aos próprios discípulos a fim de ser por eles vivida, conservada e aprofundada e constantemente desenvolvida em sintonia com o Corpo de Cristo em perene crescimento. E´ por isso que a Igreja protege e apóia a índole própria dos diversos Institutos Religiosos (LG 44; cf. CD S; 35, 1; 35, 2; etc.). Essa índole própria comporta outrossim um estilo peculiar de santificação e apostolado, que estabelece uma determinada tradição própria, a tal ponto que se podem convenientemente colher seus elementos objetivos. Por conseguinte, nesta hora de evolução cultural e de renovação eclesial, faz-se mister que a identidade de cada Instituto se conserve com tal segurança, que se possa evitar o perigo de uma situação não suficientemente definida, pela qual os Religiosos, sem a devida consideração do estilo peculiar de ação próprio da sua índole, se insiram na vida da Igreja de maneira vaga e ambígua.” Desta definição irão sair muitos estudos e documentos posteriores do Magistério.

Tratando-se da contemplação, o documento mencionará como um carisma especial: “Os que são chamados à vida contemplativa especificamente são reconhecidos como um dos tesouros mais importantes da Igreja. Graças a um carisma especial, escholheram a melhor parte, isto é, a oração, o silêncio, a contemplação, o amor exclusivo a Deus e a dedicação total a seu serviço...”

O carisma, como dom do Espírito, também se reflete em obras concretas, precisamente nas obras do Instituto. Por essa razão um apostolado, uma obra levantada por uma congregação não é indiferente para o carisma, como consigna o Magistério: “Existe a tentação de abandonar as obras estáveis, genunína expressão do carisma do instituto, por outras que aparentemente são mais importantes e urgente diante das necessidades sociais, mais que não são irelevantes com a identidade do instituto.”

No mesmo documento, se destaca a importância do carisma para a formação das pessoas consagradas, sendo este uma espécie de mapa para não perder-se na formação: “Esta constante configuração com Cristo se realiza de acordo com o carisma e normas do Instituto ao qual pertence o religioso. Cada instituto têm seu próprio espírito, caráter, finalidade e tradição e em concordância com eles, e assim é como crescem os religiosos com eles e sua união com Cristo”.

Mais adiante, encontramos que o carisma particular de cada Instituto e a vida consagrada são uma mesma coisa: Não existe croncretamente uma religiosa « em si » à qual se incorpora, como um anexo subsidiário, o fim específico e o carisma particular de cada instituto.” O carisma de cada Instituo forma parte da vida consagrada. E este mesmo documento considera que o carisma deve fazer parte integrante da formação da pessoa consagrada. “No programa de estudos, deve aparecer de forma primordial a teologia bíblica, dogmática, espiritual e pastoral, de modo particular, o aprofundamento doutrinal da vida consagrada e do carisma do Instituto.”
A vida fraterna em comunidade encontra no carisma também sua razão de ser: “Viver em comunidade, na verdade, é viver todos juntos a vontade de Deus, segundo a orientação do dom carismático que o fundador recebeu de Deus e que transmitiu a seus discípulos e continuadores.” Este mesmo documento, Vida fraterna em comunidade, dedicará todo um número, o 70, para falar sobre a possibilidade de compartir o carisma com os leigos, tema do qual trataremos nos próximos artigos.

Podemos citar inclusive quais são as responsabilidades das pessoas consagradas para com o carisma, de acordo ao seguinte texto: “Cada instituto têm uma responsabilidade primária com respeito a própria identidade. Com razão, o «carisma dos fundadores (…)- experiência do Espíritu transmitida aos próprios discípulos para ser por eles vivida, custodiada, aprofundizada e constantemente desenvolvida em sintonía com o Corpo de Cristo em perene crescimento» - é confiado a cada instituto como patrimônio original em benefício de toda a Igreja. Cultivar a própria identidade na « fidoidade criativa » significa, afinal, confluir na vida e na missão do povo de Deus, dons e experiências que a enrriquecem e, ao mesmo tempo, evitar que os religiosos «insertem-se na vida da Igreja de um modo vago e ambigüo».”

João Paulo II na exortação apostólica Redemtionis donum fala explícitamente do carisma como um dom, tanto para as pessoas consagradas como para a comunidade e não duvida em afirmar que nesse dom, encontram-se elementos válidos para viver a consagração. “Seria difícil descrever e até mesmo simplesmente enumerar as múltiplas maneiras diferentes pelas quais as pessoas consagradas põem em prática, mediante o apostolado, o seu amor para com a Igreja. Esse apostolado nasceu sempre daquele dom particular dos vossos Fundadores que, recebido de Deus e aprovado pela Igreja, se tornou um carisma para a inteira Comunidade. Tal dom divino corresponde às diversas necessidades da Igreja e do mundo, em cada época da história; e, seguidamente, prolonga-se e consolida-se na vida das comunidades religiosas como um dos elementos perduráveis da vida e do apostolado da mesma Igreja.
Em cada um destes elementos, em todas as suas expressões — quer na da contemplação fecunda para o apostolado, quer na da actividade directamente apostólica — acompanha-vos a bênção constante da Igreja; e, simultaneamente, a sua solicitude pastoral e materna, pelo que respeita à identidade da vossa vida espiritual e em ordem ao acerto da vossa actuação, no seio da grande Comunidade universal das vocações e dos carismas de todo o Povo de Deus.”

Chegamos, finalmente, à exortação apostólica pós-sinodal Vida consecrata, da qual podemos dizer que o termo carisma aparece citado 72 vezes, sendo a parte mais citada a que faz referência à fidoidade ao carisma. Esta simples observação nos faz pensar na importância que se da à fidoidade o dom inspirado ao Fundador que o levou a seguir adiante com sua obra.

Não podemos deixar de mencionar o descritpo pelo Compêndio do Catecismo da Igreja Católica, quando no número 160 da seguinte definição de carisma, que ao certo se trata de todo tipo de carisma, também pode aplicar-se ao carisma de uma congregação religiosa ou Instituto: “Os carisma são dons especiais do Espírito Santo concedidos a cada um para o bem dos homens, para as necessidades do mundo e, de modo particular, para a edificação da Igreja, a cujo Magistério compete o discernimento sobre eles.”

Por último, Bento XVI selecionou o carisma como a norma suprema da vida consagrada, isto é, seguir a Cristo: “Não é possível conseguir um autêntico re-lançamento da vida consagrada se não é tratando de uma existência plenamente evangélica, sem ante-pôr nada ao único Amor, mais sim encontrando em Cristo e em sua palavra a essência mais profunda de todo o carisma do fundador e de fundadora.”



Revião de alguns autores.

É muito variada e ampla a literatura que trata sobre o carisma. A continuação colocamos algumas citas que podem iluminar o desenvolvimento teológico deste termo e ajudar-nos a identificar com mayior precisão o significado deste termo.

“Alguns autores diferenciam entre, o carisma de fundação, dom que habilita a uma pessoa para iniciar uma nova fundação: e o carimsa do fundador, que faz relação ao conteúdo do dom inherente a todo fundador para perceber, viver e mostrar na história, uma experiência particular do mistério de Cristo, segundo algunas características concretas que, depois, os identificarão. Na verdade o carisma de fundação e o carisma do fundador são duas vertentes de uma mesma realidade que se exigem mutuamente.” Jesús Álvarez Gómez, Carisma e História, Publicaciones Claretianas, Madrid, 2001, p.100-101.

“O carisma do fundador e da fundadora, uma vez compartido em seu caminho histórico se converte no carisma do Instituto. Com esta definição pode-se entender o desenvolvimento da virtualidade genética contida no carisma do fundador ou da fundadora.” Fabio Ciardi, In ascolto dolo Spirito, Città Nuova editrice, Roma, 1996, p. 58.

“O carisma do fundador, é por tanto para nós aquele dom pessoal que, estando na origem da experiência da fundação, traça os lineamentos espirituais essenciais que caracterizam a própria identidade do Instituto, sua missão na Igreja, sua espiritualidade peculiar.” Giuseppe Buccellato, Carisma e Rinnovamento, Edizioni Dehoniane, Bologna, 2002, p. 28.

“Se por carisma dos membros do Instituto entende-se sua específica missão ou o fim pelo qual ingressaram os membros do Instituto, este carisma pode ser realmente comunicado pelo fundador que, com seu exemplo e sua vida, arrastam e convencem a outros a seguí-lo.” Giancarlo Rocca, Il carisma do fondatore, Ancora editrice, Milano, 1998, p. 75.

“O carisma não se mantêm na história como se mantêm um patrimônio de idéias, de valores, de experiências, somente porque seja possível contrastar com novas perspectivas e novas emergências. Mantêm-se sim, como uma “graça viva”, cuja direção pertence ao Espírito Santo: começa com um evento de graça que envolve o carismático em um ardente camiho para seguir a Cristo e pode permanecer na história somente como uma graça que sempre se renova.” Antonio Maria Sicari, Gli antichi carisma nella Chiesa, Jaca Book, Milano, 2002, p. 32 – 33.

Pier Giordano Cabra em seu livro Breve corso sulla Vita consacrata relembra o que têm sido a teologia do carisma. Para este autor cada Instituto têm em sua base um carisma para o benefício da Igreja e representa um dos pontos fundamentais da identidade de cada Instituto. Afirma ainda que o carisma funda também a precisa missão e a própria espiritualidade. Entretanto para Cabra, existem poucos carisma que aglutinam a todos os carismas, como uma grande constelação onde cada carisma, como somente uma estrela, pode reconhecer-se em uma constelação. Sem retirar a importância de cada carisma específico, Cabra deseja por em guarda os Institutos religiosos para não super valorizar o próprio carisma e assim enriquecer-se de todos os carismas, principalmente dos mais semelhantes. Continuando nesta mesma linha, em seu livro Tempo di prova e di speranza, Cabra considera que na atualidade os carismas, mais ainda na Europa, devem traduzir-se em uma realidade prática, seguindo as indicações da Vita consecrata, sobre a fidoidade criativa. Pier Giordano Cabra, Breve corso sulla Vita consacrata, Editrice Queriniana, Brescia, 2004, p. 170 – 172. Pier Giordano Cabra, Tempo di prova e di speranza, Ed. Ancora, Milano, 2005, p. 147- 150.

Fazendo referência a um dicionário da vida consagrada, anotamos o seguinte: “A expressão carisma designa, de modo geral, aquele dom do Espírito oferecido beneplácidamente por Deus a alguns fundadores, homens ou mulheres, para produzir neles determinadas capacidades que lhes permitem estarem aptos para iluminar novas comunidades de vida consagrada na Igreja.”

Uma pesquisa digna de mencionar é a de Antonio Romano que em seu livro I fondatori, profezia dola storia, faz uma análise valiozíssima diferenciando o carisma da fundação, o carisma do fundador, o carisma do ato de fundar e o carisma do Instituto. Deixando de lado qualquer particularidade, afinal de contas remitimos ao mesmo livro, é importante não obstante destacar, que estes momentos relacionados por Romano significam diferentes momentos do mesmo carisma. Podemos dizer que são explicações conaturais ao carisma. Ao tratar de um carisma de um Instituto religioso estamos falando necessáriamente dos momentos pelos quais atravessou para chegar a constituir-se em um dom do Espírito ao serviço da Igreja.


O qué é o carisma e quais são os elementos que o constituem?

Partiremos de uma definição que serviu como base para todos os documentos do magistério que manejam o termo carisma: “Os Institutos religiosos na Igreja são muitos e vários, cada um com sua índole própria (cfr. PC 7, 8, 9, 10); mais todos contribuem sua própria vocação, tal dom feito pelo Espírito, por meio de célebres homens e mulheres (cfr. LG 45; PC 1, 2) e aprovado de modo autêntico pela sagrada Hierarquia. O mesmo carisma dos Fundadores revela-se como uma experiência do Espírito (Evang. Test. 11), transmitida aos próprios discipulos para ser por eles vivenciada, custodiada, aprofundizada e explicada constantemente em sintonia com o Corpo de Cristo em um perene crescimento. Por isso a Igreja defende e sustenta a índole própria dos diversos Institutos religiosos (LG 44; cfr. CD 33; 35, 1, 2, etc.). A índole própria leva além do mais consigo, um estilo particular de santificação e apostolado que vai criando uma típica tradição cujos elementos objetivos podem ser facilmente individualizados.”

O magistério identifica neste texto o carisma com a índole própria de cada instituto ou congregação religiosa. Tratar de carisma é falar por tanto das notas mais características e específicas que possui cada congregação ou instituto religioso para seguir mais de perto a Jesus Cristo. Utilizando um termo da genética moderna, podemos comparar ao carisma com o código genético da congregação. Ai está escrito a identidade da congregação, contendo nessa identidade, ainda que com a necessidade de uma posterior explicação, seu patrimônio espiritual, seu passado e seu futuro, visto que o carisma não é algo estático, mais sim em continuo desenvolvimento.

Definir a índole própria pode ser um trabalho árduo para cada congregação ou instituto religioso. Quando o Concílio Vaticano II pedia o regressar para a origem da vida consagrada e as fontes originarias de cada congregação ou instituto religioso, estaba convidando precisamente à identificação dos elementos mais peculiares que configuravam à congregação. Esta índole própria não provem necessariamente das obras de apostolado específicas da congregação, nem do modo de ser ou de atuar dos membros, mais sim de uma experiência do Espírito que viveu o fundador ou a fundadora e que foi capaz de transmitir aos primeiros membros da congregação ou instituto religioso. As obras de apostolado, o estilo de vida, a forma de viver os conselhos evangelhicos são expressões concretas da experiência do Espírito. “As diversas formas de viver os conselhos evangelicos são, com efeito, expressão e fruto dos dons espirituais recibidos pelos fundadores e fundadoras e, em quanto tais, constituem uma experiência do Espírito, transimitida aos proprios discipulos para ser por eles vivenciada, custodiada, aprofundizada e explicada constantemente em sintonia com o Corpo de Cristo em um perene crescimento.” Podemos afirmar por tanto que “no carisma está constituido não somente a finalidade específica do Instituto mais sim a conformação espiritual, humana e social da pessoa consagrada.” A experiências do Espírito é um dos pontos característicos ou dos elementos mais importantes que constituem o carisma. “As notas características de um carisma autêntico são as seguintes: a) procedência singular do Espírito, certamente diferente ainda que não está separada dos dotes pessoais de quem guia e modera; b) uma profunda preocupação por configurar-se com Cristo testimunhando algum dos aspectos de seu mistério; c) um amor frutífero à Igreja, que repugne tudo o que nela possa ser causa de discórdia.” Deus permite ao fundador ou a fundadora uma provação muito forte de alguma necessidade em seu mundo, um constraste entre os planos de Deus e a verdadeira realidade. Para enfrentar esta realidade Deus outorga a graça ao fundador ou a fundadora de realizar uma leitura do evangelho de um modo novo, de tal manera que a realidade surge iluminada com uma nova luz, uma nova intrepretação, uma experiência do Espírito que já não está circunscrita à condições de espaço e tempo onde nasceu, mais que como criatura do Espírito se expande a todos os tempos e lugares. Desta forma nasce a experiência do Espírito do fundador, como um dom de Deus para a Igreja, dom que é possível compartir e ser trabalhado por muitas outras pessoas, ao longo do espaço e do tempo. É este Espírito através do fundador ou da fundadora. Para enfrentar a necessidade que Deus lhe permitiu experimentar, o fundador ou a fundadora, sob a experiência do Espírito, centra a sua atenção em algum aspecto específico da figura de Cristo, como o meio mais idôneo, segerido pelo Espírito, para plasmar tal necessidade. Não estão excluidos outros meios, ou expressado de maneira mais clara, todos os demais meios dos quais possa aproveitar o fundador ou a fundadora nascem da grande necessidade que experimenta ao sair do encontro da necessidade atraves deste específico aspecto da personalidade de Cristo, que o Espírito lhe sugeriu. Para o fundador ou a fundadora, somente Cristo pode aliviar a necessidade que deu origem a sua obra. Sua vida estará dedicada a configurar-se o mais que seja possível com este específico aspecto de Cristo que já provou.

Um último aspecto do carisma é o de saber insertar-se dentro da Igreja. O fundador ou a fundadora acietaram seguir o caminho que o Espírito lhe indicou em sua experiência inicial não para fazer um caminho separado da Igreja, mais sim para ajudar à Igreja para cumprir com sua missão. Os carismas só podem ser entendidos e justificados na Igreja, para a Igreja e desde a Igreja. Desta maneira é possível entender também o carisma como “o dom particular da graça divina operado no que crê por parte do espírito Santo para a utilidade comúm da Igreja.” Conceito que, aplicado à vida consagrada, João Paulo II define da seguinte maneira: “É difícil descrever, mais ainda classificar, de quais modos tão variados as pessoas consagradas realizam, através do apostolado, seu amor pela Igreja. Este amor sempre nasce daquele dom particular de vossos Fundadores, que recebido de Deus e aprovado pela Igreja, conseguiram ser um carisma para toda a comunidade. Esse dom corresponde as diversas necessidades da Igreja e do mundo em cada momento da história, e ao mesmo tempo se prolonga e consolida na vidas das comunidades religiosas como um dos elementos duradouros da vida e do apostolado da Igreja.”

Acreditamos por tanto que não convêm diferenciar os termos entre carisma do fundador, carisma de fundar, carisma de fundação, carisma do Instituto. Dissemos que são passos conaturais para que se realize o carisma. Nos centramos no carisma como a experiência do Espírito que Deus concede ao Fundador para o bem da Igreja, englobando nesta definição todos os passos que sucederam para dar luz a este dom.


12:00h - Adoraçao Eucaristica


13:00h - Almoço

14:00h - Formaçao crista

15:00h - Lanche

17:00h - Santa Missa 

Ver roteiro de domingo na agenda

Att

Pe. Marcos

Renovacao da opção fundamental

Acompanhamento 13 06 17

RENOVACAO DA OPCAO FUNDAMENTAL

Boa noite Discipulos de Opçao Fundamental

Desde novembro do ano passado estamos conscientizando cada grau de participaçao do DJC

Desde os DCAs e agora chegamos a voces

Conscientizaçao sobre o que é o DJC e sobre o que constitui cada grau de participaçao no DJC

a fim de que cada discipulo possa crescer e se desenvolver cada vez mais no caminho do Evangelho porque o DJC imita Jesus em tudo


1 - QUEM É O DISCIPULO DE OPCAO FUNDAMEENTAL?

O Discipulo de Opçao Fundanental e aquele que, diante do convite de Jesus (Vem e segue-me Mt 9), como o nome ja diz, fez a opçao fundamental de seguir Jesus Caminho Verdade e Vida dentro da vocaçao DJC

Fez uma opçao fundamental porque a pessoa vive de acordo com a opçao fundamental que fez

Existem aqueles que fizeram a opçao fundamental pelo time de futebol, pelo lazer, pela novela, por determinado artista, pelo dinheiro... E vivem a vida em torno daquilo que escolheram

O discipulo de Jesus optou, escolheu livre e conscientemente seguir Jesus dentro do DJC e por isso a sua vida toda e marcada e direcionada por esta opçao

Se quem optou pelo futebol, por exemplo, vive e respira em torno do futebol, o discipulo de opçao fundamental e cristocentrico, porque vive e respira Cristo Jesus dentro da vocaçao DJC


2 - DISCIPLINA FUNDAMENTAL

Assim sendo

Lembro agora uma disciplina basica que todos discipulos devem colocar em pratica para serem fieis a sua opçao fundamental e entao crescerem dentro da vocaçao DJC,

ate poderem dizer o que Sao Paulo dizia: "Ja não sou eu que vivo, é Cristo que vive em mim. E esta vida que agora vivo eu a vivnãno amor de Jesus que me amou e por mim se entregou!"

A luz da Palavra de Deus e da vocaçao DJC, todo discipulo de opçao fundamental deve:

👉 Missa do DJC, todo domingo, as 17h, na sede local

👉 Siloe toda semana

👉 Encontro da Fraternidade ou Ministerio toda semana

👉 Adoraçao pessoal a Jesus Eucaristico com media de uma hora toda semana

Pra facilitar vamos expor (ad experimentum) o Santissimo todo domingo das 14h as 16h na Sede Local

👉 Meditaçao Orante da Palavra de Deus diariamente

👉 Devolver o dizimo a Deus no DJC

👉 Vivencia sacramental

Missa diaria e Confissao periodica ao menos uma vez por ano

👉 Participacao na Missao Familia em Oraçao

Orando pelas familias, intercedendo por uma localidade e convidando para o nosso programa de radio, missa dominical na sede, siloe e fraternidade

👉 Discipulado Mensal todo terceiro domingo.

Como ja organizanos o DJC, o terceiro domingo agora sera por grau de participacao

Neste mes sera so para os DCAs Em julho sera so para os Discipulos Servidores E assim por diante

👉 Ser DJC aonde estiver, com quem estiver e como puder

Vestir mesmo a camisa do time de Jesus e ser um discipulo que ja vai procurando fazer outros discipulos por exemplo e palavra

Assim como faziam os primeiros cristao nos Atos dos Apostolos queremos fundar um djc em cada cidade pelo mundo afora porque o mundo de hoje precisa urgentemente da multiplicacao dos discipulos de Jesus

xxx

Nao tenham medo

Esta disciplina acima nao sufoca porque e uma vivencia do seguimento de Jesus, na companhia dos irmaos e sob o impulso do Espirito Santo

Nao tenham medo

Nao existe nada melhor do que ser um discipulo de Jesus

Se voce viver os pontos da disciplina acima voce sera feliz e ira fazer outros felizes

E claro que existem outras coisas na vida e por isso trabalho, estudo,  obrigaçoes familiares, viagens mesmo de lazer, tudo isso e compreensivel e justifica a sua ausencia do DJC

Mas o principal e que nas profundezas do seu coraçao voce decidiu seguir Jesus dentro da vocaçao DJC e sempre vai dar um jeito de ser fiel a opçao que voce fez


3 - RENOVACAO DA OPCAO FUNDAMENTAL

Pois bem

Agora convido pra voce rezar tudo o que escrevi, fazer um exame de consciencia e, livre e consciente renovar a sua opçao fundamental diante do Santissimo

E so retomar o temario da Irmanacao Na ultima pagina tem a oracao da opcao fundamental

Peço pra voce me dizer aqui no zap em qual temario voce se encontra e se renovou a opçao fundamental

Entao vou escrever com a Zuleide o seu nome no livro dos discipulos de Jesus e mais uma vez encaminha-lo aos cuidados do acompanhante da extensao, conselheiro,  articulador e discipulador

É tudo pelo zap mesmo

Mas peço pra voce ler e rezar tudo o que escrevi aqui

Pra voce renovar a sua opçao bem livre e consciente diante do Santissimo

Nao esqueca de informar a localidade pela qual voce esta intercedendo porque a intercessao parte na frente abrindo os caminhos da graca de Deus naquela localidade

Tudo isso e porque o DJC e a escola de Jesus e temos que ser fieis a missao que Jesus nos confiou: SER e FAZER DISCIPULOS

Se voce tiver alguma duvida converse com o seu responsavel dentro do djc

Mas eu peço pra nenhum responsavel anestesiar a consciencia do discipulo

Tudo o que coloquei aqui e o basico do Evangelho e da vocaçao djc pra todo discipulo de Jesus

Nao tenham medo

O caminho de Jesus e o caminho da verdadeira felicidade Mas a decisao está nas maos de cada um e so o discipulo pode decidir

Com esta renovacao vamos reorganizar as listas de todas fraternidades cristas do djc

Xxxx

Deus vos abençoe

Att

Pe. Marcos Oliveira
Acompanhante Geral


Xxcxxx


FICHA DE RENOVACAO DA OPCAO FUNDAMENTAL


Prazo pra devolucao: 02 de julho (Dia de Sao Paulo)


EU (nome completo)

Li tudo o que o Padre Marcos escreveu no acompanhamento sobre a renovacao da opcao fundamental

Rezei tudo diante do Santissimo

Rezei tambem a oracao da opcao fundamental que esta no final do temario da irmanacao

E para continuar crescendo como discipulo de Jesus e ser plenamente realizado

Renovei a minha opcao fundamental por Jesus dentro da vocacao DJC

Comprometo-me a viver e praticar a disciplina fundamental colocada no referido acompanhamento do dia 13 06 17

E respeitarei meu discipulador como meu pai espiritual na fe

Sendo o meu djc uma grande familia em oracao e em missao permanente

Estarei sempre na sintonia do nosso programa familia em oracao

E ficarei intercedendo pela localidade de ...

Estou no temario...

E o meu discipulador, meu pai na fe é ...

Amem Aleluia Amem


✂✂✂✂✂✂


Atencao

Voce deve responder aqui mesmo pelo zap,

apos ter lido e rezado diante do Santissimo  tudo o que escrevi no acompanhamento do dia 13 06 17 e tambem a oracao da opcao fundamental que se encontra no final do temario da irmanacao


Lembrando que quem esta nos temarios do reavivamento no Espirito Santo, na Revelacao  divina e na Irmanacao nao precisam ler e responder a esse texto


E quem ja e discipulo concludente, discipulo missionario, discipulo servidor e dca tambem nao precisa


👉 E so pra quem ja teminou o temario da irmanacao ou ja e discipulo de opcao fundamental


Em tempo:

Apos rezar diante do Santissimo envie sua renovacao da opcao fundamental para o zap 9 86 40 08 14 e retornaremos a voce com o direcionamento da sua caminhada discipular

ATT

Pe. Marcos Oliveira

Orientações para as Fraternidades Missionárias

Acompanhamento 03 06 17

Orientacoes para as Fraternidades Missionarias

- Membros:
Formadas pelos Discípulos Missionários, Discípulos Servidores e DCAs dos Específicos e Missões

Discípulos concludentes que desejam receber o mandato na próxima celebração já podem começar a participar

- Responsavel: 
Articulador

Obs: nao existe discipulador para a Fraternidade Missionaria uma vez que a mesma e assumida pelo articulador

- Competencia da Fraternidade Missionaria

A Fraternidade Misionaria esta a serviço do Especifico ou Missao

Por isso os discipulos missionarios sao subdivididos para servir nas fraternidades e ministerios

Nao e bom no dia do Especifico ou Missao os discipulos missionarios estarem reclusos num lugar a parte Pois devem estar espalhados, servindo nas outras fraternidades ou ministerios

Outra orientaçao que tenhamos dado ao contrario seja desconsiderada, pois estavamos organizando a celebraçao do mandato

- Reunião so da Fraternidade Missionaria com seu articulador:

Segunda semana, no dia de referencia do Específico. Se a necessidade obrigar pode ser em outro dia

A Fraternidade Missionaria da Missão Graça e Paz, que esta gerando uma nova extensao, encontra-se na segunda segunda-feira para entrar em sintonia com o corpo de apostolado do DJC


Tabela das FRATERNIDADES MISSIONÁRIAS 
do DJC Fortaleza

👣 Extensão DJC Cascavel

Fraternidade Missionária do Discipulado de Jovens:

Fraternidade Missionária do Discipulado de Adultos:

Fraternidade Missionária do Discipulado de Casais:

Fraternidade Missionária do Apostolado da Bênção: DCA Leila (Articuladora), Maria (Coord Dev Mariana), Geni (Concludente), Edilma (concludente)

Fraternidade Missionária do Apostolado das Artes:

Fraternidade Missionária do Apostolado da Infraestrutura: DCA Francisco (Articulador)



👣 Extensão DJC Canindezinho

Fraternidade Missionária do Discipulado de Jovens:
DS Rutielly(articuladora), DS Islania(Evangelista), DM Victoria(Evangelista), DM Velma(Discipuladora), DS Paulinho, DM William

Fraternidade Missionaria do Discipulado de Adultos: DCA Fatima Santos (articuladora), DM Kele Cristina(discipuladora), DM 
Socorro Batista, DM Sandra, DM Eveline, DM Sonia e Marilene (concludente)

Fraternidade Missionaria do Discipulado de Casais: DCA Derim e DCA  Evanda (Articuladores), DM Neto e DM Antônia (Auxiliares dos Articuladores), DS Mauro e DS Dora (Evangelistas), DM Paulo e DM Valdenia (Discipuladores), DM Thiago e DM Adelina (Secretarios), DM Gilvan e DM Dalva (Acolhida), DM João Batista e DM Maria(Discipuladores), DM Rogério e DM Clarice (Leitores), DOF Jorge (Concludente) e DM  Rosimeire (Intercessores),
DM Joenio e DM Liliane, DM Aluisio e DM Francisca, DOF Geová e DOF Monica (Concludentes)

Fraternidade Missionaria do Apostolado da Bencao: DCA Ercilio (Articulador), Marlene (coord Intercessao), Carminha (intercessao), Elizane (Intercessao), Julia (Intercessao), Luiza (intercessao), Rosinete (intercessao), Quinha (Coord Dev Mariana), Rocilda (Dev mariana), Raimunda(Dev Mariana), Lucia Tavares ( Dev mariana), Daniele (coord liturgia), Leide (liturgia), Mariazinha (Animadora fam em oracao), Lena (evangelista e ministra de oracao)

Fraternidade Missionaria do Apostolado das Artes:
Zuleide (Articuladora), Josy Araújo (Música e evangelista), Weslliana (Musica), Emanuelly (Música e discipuladora), Michel (Música), Carlinhos Nunes (Música)

Fraternidade Missionaria do Apostolado da Infraestrutura: Valdenio (Articulador e Tesoureiro), Joveline (Evangelista), Raquel (Loja)



👣 Extensão DJC Palmacia

Fraternidade Missionaria do Discipulado de Jovens:

Fraternidade Missionaria do Discipulado de Adultos:

Fraternidade Missionaria do Discipulado de Casais: DCAsJoel e Jaqueline (Articuladores), DS Karine ( Evangelista) e esposo (apoio)

Fraternidade Missionaria do Apostolado da Bencao: 
DCA Roberlandia (Articuladora), DS Helena (oração), DM Reinaldo (liturgia), DM Luiza, DCA Ericleison e Zulene (concludente)

Fraternidade Missionária do Apostolado das Artes: 
_ Loourdinha (Articuladora), Áurea Helena (Música), Rosinha (Danca), Sara (Musica), Natália (Música)

Fraternidade Missionária do Apostolado da Infraestrutura:
DCA Otinha  (Articuladora)
DM Ana Paula (tesouraria)
DM Marcos Rodrigues


👣 Extensao DJC Antônio Bezerra

Fraternidade Missionária do Discipulado de Jovens: Evely (Articuladora), Eudenha (Evangelista das Criancas), Vinícius (Coordenador do Ministerio de Musica), Paulinho (Min Musica) Joao Pedro (Min Musica), Pedro Marcelo(Min Musica), Victor Monteiro (Min Musica)

Fraternidade Missionaria do Discipulado de Adultos: Socorro Almeida (Articuladora), Jucilene, Salete, Francisca Albuquerque, Silvanira (concludente)

Fraternidade Missionaria do Discipulado de Casais:
Fraternidade Missionaria do Discipulado de Casais: Marcone e Paula (articuladores)
Paulo ( discipulador/ música) e Lusilene (discipuladora/ intercessao)
Sérgio  (discipulador/ Min. Oração) e Cristiane ( discipuladora/ música) 
Jair (discipulador/coord. Prog.  Rádio pitaguary) e Mary (discipuladora/ financeiro rádio)
Marcelo (secretário/liturgia- leitura)
Wauleide (secretária/  leitura/dev. Mariana)
Daniel ( secretário/ coord. Radioweb/Música)  e Laura  (Secretária/colab. facebook/ música)
Francisco e Toinha(acolhimento )
César (discipulador/ Min. Oração) e Lúcia  (discipuladora/ infra(lembretes, niver, datas celebrativas)

Fraternidade Missionária do Apostolado da Bênção: Almada (Articuladora), Alvinha (Evangelista e Ministra de Oraçao), Leila Rocha (Coord do Minist Liturgia), Ant José (Anim das Fam Oracao), Socorro Carneiro (Coord Minist Dev Mariana), Herculana (Dev Mariana), Terezinha Vieira (Dev Mariana)

Fraternidade Missionaria do Apostolado das Artes: Sheilla (Articuladora), Mary Clautenys (Música), Victor Gomes (Música), Paulo Sérgio (Música), Karine Vieira (Dança), Dra. Camila (Dança), Elson Martins (concludente)

Fraternidade Missionária do Apostolado da Infraestrutura:

Fraternidade Missionária da Missao kairós:


👣 Missao Graca e Paz DJC Pacoti -
Fraternidade Missionária: Arino ( Articulador), Miza (Oraçao), Leonara (Evangelizacao de criancas), Milton (concludente - Discipulador)

👣 Missao Graça e Paz DJC Vila Manoel Sátiro - Fraternidade Missionária:    DCA Neto (Articulador), DM Wenes (oracao), DM Marta (intercessao), DM Conceiçao (evangeçista),  DM Michele (evangelista)

👣 Missao Graça e Paz DJC Siqueira - 
Fraternidade Missionária: Rizete (Articuladora e evangelista), Junior (Oracao e tesoureiro), Socorro Franca (Coord Dev Mariana), Maze Brito(Evangelizacao de criancas), Wanderlei (evangelista), Viviane (Coord musica), Rozilene (musica), Beto (evangelista), Risalva (Intercessao), Messias (concludente), Fatima (concludente),

👉 Fale com seu articulador se o seu nome nao estiver aqui

👉 Mãos e coração à obra Discípulos Missionários


Att

Pe. Marcos Oiveira

ZAPs do DJC - 20 de maio






DISCIPULADO DE JESUS CRISTO DO ANTONIO BEZERRA

👉 Domingo: MISSA DOMINICAL, 17h


👉 Segunda-Feira: Missa no Silêncio de Maria, 17h


👉 Terça-feira: MISSA DO SILOÉ, 19h


👉  Quarta-feira:
Missa no Silêncio de Maria, 17h

DISCIPULADO DE ADULTOS, 19h


👉 Quinta-feira:
Missa no Silêncio de Maria, 17h

DISCIPULADO DE CASAIS, 19h


👉 Sexta-feira:
CONTEMPLAÇÃO EUCARÍSTICA NO SILÊNCIO DE MARIA, 08h às 17h

Missa no Silêncio de Maria, 17h

APOSTOLADOS DA BÊNÇÃO, ARTES E INFRAESTRUTURA, 19h


👉 Sábado:
DISCIPULADO DE JOVENS, 17h

MISSÃO KAIRÓS, 19:30h


Rua Santa Maria, 185
Esquina com a Capitão Brasil
Entre o Terminal e o Frotinha

Sejam sempre bem-vindos ao DJC Antonio Bezerra                       




ROTEIRO

Encontro da Missao kairos

Todos juntos:

19:00h - Ambientacao (servico de ambientacao)

- Visto dos temarios (Discipulador)

- Marcacao da biblia e do temario

19:30h - Acolhida, recados, graca e paz, Em nome do Pai (Articulador)

- Devocao mariana (ministro da dev mariana)

- Louvor (ministro de musica)

- Suplica ao Esp Santo (ministro de oracao)

- Aclamacao a Palavra de Deus (ministro de musica)

×××

Divididos por Temarios

- Durante o cantico de aclamacao cada um vai pra sua fraternidade ja com a leitura e o temario marcados

- Leitura (leitor)

Fazem a leitura biblica indicada no temario e a meditam no rumo do tema do encontro do dia auxiliados pelo discipulador e temario

20:50h - Oracao a luz da meditacao do tema do dia (discipulador)

Pai Nosso

Ave Maria

Despedida (Discipulador)

Lembrete final: Discipulador lembra que cada um deve ler todo texto do temario em casa e todo dia fazer a MOPD e escrever a inspiracao no temario                       





xxxxxxxxxxxxxxxxxxx



Ola bom dia fulano

Tua grande missao e pescar e evangelizar as criancas como discipulas de Jesus

Assim sendo

Nao deves ficar dizendo: aqui nao e catequese, é discioulado de criancas

Nao deves ficar dizendo porque nao ha necessidade

De outro lado deves pescar chamando enfaticamente pro discipulado de criancas, falando que e nuito bom uma crianca no discipulado de crianca

Depois q a crianca entrar deves ver a questao sacramental

Se nao for batizada deves orientar pra procurarem uma paroquia porque batisno so e registrado em paroquia

E se nao tiver feito primeira comunhao com o tempo receberao a primeira comunhao

Mas nao tera turma de primeira comunhao com o pe marcos porque aqui nao e turma de catequese

Aqui e o djc

E o djc e um caminho, e uma caminhada no seguimento de Jesus

Quando o nosso acompanhante geral pe marcos ver q a crianca esta preparada ele mesmo pede autorizacao dos pais, confessa a crianca e da a hostia a ela na missa do domingo

Mas nao e numa turma de primeira comunhao

E na propria missa do djc

Porque aqui nao e catequese q forma uma turma de primeira comunhao

Aqui e um djc q a pessoa recebe a primeira comunhao no decorrer da caminhada quando o padre v q a crianca esta preparada

Em tempo

Pela caminhada a Clara ja esta preparada Eu bao respondi na praca  a Juscilene porque queria saber antes se voce esta entendendo








Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx





CONTRIBUIÇÃO FIEL

O seu dízimo no DJC

Cadastro Rápido

Se você ainda não é CONTRIBUINTE FIEL

Cadastre-se  através do zap

É só copiar, preencher e enviar pro zap 9 86 40 08 14

Nome completo:

Extensão:
Cascavel (   )
Canindezinho (   )
Palmácia (   )
Antonio Bezerra (   )
Vila Manoel Sátiro (   )
Pacoti (   )
Siqueira (   )

Rua:

Bairro:

Aniversário:

Telefones:

O responsável vai fazer o seu folder de contribuição e entrar em contato com você.

Agradecemos a sua Contribuição Fiel

Deus te abençoe!                       









Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx


Orientacoes para Servidores nas Missas Dominicais do DJC


Atencao Discipulos Servidores

Sobretudo bencao e artes

Pra orientar os outros

Intencoes sejam lidas dez minutos antes

Missas de domingo e so um cantico de invitatorio

E depois so um cantico de entrada com sentido liturgico

Porque ainda tem ato penitencial, hino de louvor, uma leitura a mais e credo

Oracao de bencao é preces dos fieis, é oracao da assembleia Importante ajudar o povo a pedir e nao so ficar escutando o ministro de oracao Cantico deve ser conhecido e com sentido

Anotem esta observacao na agenda ok

Porque missa de domingo tem muita gente novata e o tempo deve ser controlado

A missa e um conjunto

Se liguem na orientacao

E ministro de oracao diga a musica antes da missa pro ministro de musica

E deve ser sempre musica conhecida e com sentido

E so devem ministrar quem ja tem experiencia e carisma

Aprendizagem nao e na missa e na fraternidade

Por fim lembro Servidor na missa deve estar antes durante e depois da missa Caso nao possa e melhor nao servir porque atrapalha mistagogia da missa

Ok

Obggg

Att

Pe Marcos                


      
xxxxxxxxxxxxxxxxxxx




MANUTENCAO DO DJC EM TRES FRENTES

Não excluir, ajeita !!!
                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Importante conscientizar a todos sobre o dever do dizimo biblico no djc                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Lembrar que devemos priorizar o djc                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E sendo uma vocacao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Que o dizimo de quem caminha no djc deve ser no djc                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Porque se djc tem uma missao tao sublime                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Tres frentes                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nesse sentido precisamos de trws frebtes permanentes                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Entao todos devemos garantir sua manutencao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Tres frentes eficazes                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Frente 1 : dizimo e ofertas
 acompanhhantes articuladores conselheiros Ana Paula e equipes do dizimo estarem sempre animando conscientizando e criando forma de aumentar numero de dizimistas ofertantes e aumentar arrecadacao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Frente 2: radio
Jair e Antonio jose mobilizarem a todos pra arranjar patrocinios e ver eficacia dos mesmos Porque estamos em debito Este mes so entrou 250,00 e ja paguei 1200,00 a pitaguary frete pendrive E um patrocinio q foi pago ainda nao comecou a rodar Quanto mais demora a rodar mais prejuizo                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Frente 3: apoios externos Como toda instituicao temos q ter uma frente pra mobilizar todos pra areanjar apouis externos de pessoas que nao sao do djc mais podem ficar ajudando Dando apoio menaal, nota fiscal, mayerial reciclavel                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Favor enviem prestacoes de contas para contabilizarmos                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E respectivos depositos e quitacao de debitos junto ao caixa geral do djc                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Para garantirmos manutencao da obra                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E no djc parece, apesar dealguna terem cobsciencia, mas pra outris parece que qualqyer coisa serve                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E fubdamental todos se engajarem na manutencao da obra                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Porque vejo todas paroquias e instituicoes conscientizando seu povo do dever de ajudar                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Ou seja                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Paga se tudo                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Ajuda se com tudo                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Ja falei que djc precisa de trobco forte nissa dominical programa de readio                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Da minha parte tenhi cobscientizado                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E pro djc geral ainda nao existe por parte de todos que somos coresponsaveis                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Espero quectodos estejam na sintonia                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Linguagen                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Com o mesmo foco e kibguagem                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: De modo que precisamos farantir as trws frentes permanentes acima                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Alem do kairos e promocoes extensiibais e especificaa que vao surgindo                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Mas a prioridade deve ser essas tres frentes                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Mas algumacoisa                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Falem aqui                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E um assunto que todos devem se envolver                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Se todos ajudam nao pesa                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Obgg                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Atr                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Pe Marcos                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: ☝☝☝☝☝☝☝😘☝☝☝                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Em tempo                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Festejos paulinos e promicao extensional                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Impirrante todos se envolverem                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Depous dos festejos priorizar folhado kairos                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Cada um garantir 250,00                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                         
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E se nos nao tivermos um.plano de acao como um so djc o povo fica doido                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nem podemos deixar de pedir                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nem pode ser de qualquer jeito                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Porque pedir tambem e evangelizar                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Mas se for de qualquer jeito espante                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Espanta                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Por isso temos q ter as tres frentes permantentes:                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: 1 dizimo e oferta                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: 2 radio                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: 3 apoiis externos                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Alem das frentes provisorias como festejos paulinos e kairos                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Lembrando q o q eu colico aqui                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Com o tempo se transforma emacompanhamento e formacao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Depois vou levar pros outros zaps                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: De modo que                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Manutencao e necessaria                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Todos devem se envolver                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Temos q ter plano de acao                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E sede faz parte de tudo isso                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E o q falo de tronco forte                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Na paroquia                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Quem e da capela sabe q tem uma matriz                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: A cancao nova todos sabem q cachoeira e a sede naciobal                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: No shalom todos sabem q diaconia e a sede geral                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Sede e mais do q predio                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E referencia                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E unidade                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E no djc                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Pelo fato eeu morar no ant bezerra                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nossa sede e no ant bezerra                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: A experiencia mostra q toda inatituicao tem sede                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Djcvtambem deve ter                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E a partir da sede todo djc e acompanhado                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E todas filiais devem ajydar a sede                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Porque a sede simboliza o tronco                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E sustenta os ramos na necessidade                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Predio do ant bezerra e simultanamente                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Sede local                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E tambem sede extensional                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Por isso tem dois controles financeiros                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Igyal catedral de fortaleza                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Ao mesmo tempo ela e sede da diocese                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E ao mesmo tempo e matriz da paroquia da catedral                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Entao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Tudo isso tem a ver com tronco forte                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Seguranca pro djc                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Manutencao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Sera q esta cinsciencia de tudo isso ja esta bem enraizada na mente dos conselheiros e corpo de apostolado                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Isto evl formacao pratica                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Porque na horada tempestade                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: So se segura arvore com tronco forte                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E pra nos fortalecermos como djc                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Bao.podemos ser bobocas                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Na sociedade so e respeitado nasua dignidade                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Quem tem consciencia da sua dignidade di seu valor dis seus direitos e deveres                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Por isso djc nao.pode ser alienado                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nem boboca                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nem subserviente                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nem tupiniquim                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Sera q esta cinsciencia de tudo isso ja esta bem enraizada na mente dos conselheiros e corpo de apostolado                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Entao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Djc tem q saber dos seus direitos e deveres                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Se nao tiver consciencia da sua dignidade                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E subserviente                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E tupiniquim                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: De modo que                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Temos q ter tres frentes permanentes pra nossa manutencao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Peço pra paula este mes colocar aqui lista da contribuicao fiel com as senhas e valores dados em maio                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Em tempo

A folha do kairos sera entregue aos dcas e discipulos servidores

Os outros discipulos ajudam eles a preencherem a folha

Repito isto

Porque de um lado temos q pedir

Mas tenos q pedir de forma organizada e processual

Se nao da a maior confusao

Por isso to colicando assunto aqui

Porque dcas discipulos servidores e discipukos missiobarios devem ser os primeiros a ter esra consciencia da necessidade de mantermos todos juntos o NOSSO DJC

A Dona Fransquinha LaaaaaAaaaaa no mei do.mato sabe q deve ajudar a Igreja e todo mes da o seu dizimo

Nos tambem

Todos nós devemos ter esta consciencia

Ai nao pesa pra ninguem                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Djc somos todos nós                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Djc todo deve se articular pra se garantir                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Padre entra no meio                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Da a sua pakavra                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Nas o q garante sao as frentes organuzadas                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E todos sendo conscientizados                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Mas o q garante sao as 3 frentes organizadas                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E todos sendo conscientizados                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Decorem por favor

Manutencao do djc

frentes permanetes:

1 Dizimo e ofertas

2 patrocinios da radio

3 apoios externos nota fiscal naterial reciclavel

Xxx

Frentes provisorias

- Festejos paulinos

- Apoios para o kairos

Tudo com organizacao
Pra conscientizar e avancar

Porque se for de qualquer jeito todo mundo fica doido e espantado                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814:                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E dessas frentes de nanutencao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Padre ta no meio                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Quem garante cancao nova nao e pe jonas                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E toda cancao niva consciente                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E com frentes de manutencao organizadas                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Ai pode ate dizet                        
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Mas pe jonas pede                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Sim                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Ele pede                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Mas todos la pedem                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E tem frentes de manutencao                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Permanentes                       
[15:13, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: E campanhas provisorias pra esta ou aquela necessidade                       
[15:14, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: ☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝👉☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝☝

Juntar num so zap

Tem plano de manurencao do djc em tres frentes                        

[15:15, 20/5/2017] +55 85 8640-0814: Ate aqui os zaps estao em ordem mais ou menos em ordem logica pra levar pro bloggee